Ir direto para menu de acessibilidade.
Inicio contedo da pgina

Notícias


Divulgação Científica

Estudo brasileiro sobre educação em saúde é publicado por periódico de Portugal


Seg, 13 de Março de 2017

Imagem: Revista Lusófona de EducaçãoApós realizar a pesquisa de pós-doutorado com bolsa da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) na Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, em Portugal, Almira Alves, teve um artigo resultante de seus estudos publicado na Revista Lusófona de Educação - disponível no acervo do Portal de Periódicos. “A publicação internacional em uma revista com Qualis A1 significa o reconhecimento da qualidade do artigo por meus pares. Reconhecimento este que se transforma numa maior divulgação do conteúdo produzido entre os pesquisadores da área, do meu ambiente de trabalho e da instituição de ensino superior (IES) da qual faço parte”, orgulha-se Almira.

Almira Alves publicou artigo na Revista Lusófona de Educação (Foto: Arquivo Pessoal - Divulgação CCS/CAPES)O artigo “Educação em saúde: um mapeamento dos estudos produzidos no Brasil e em Portugal (2000-2013)” foi resultado da pesquisa com o mesmo título realizada no pós-doutorado, no período de março de 2014 a fevereiro de 2015. Em sua pesquisa, Almira fez um levantamento de estudos científicos publicados em revistas de referência em Portugal e no Brasil sobre Programas de Educação para a Saúde no período 2000 -2013 e quais os temas ou domínios abordados nas pesquisas selecionadas.

“Dentro desse contexto, a pesquisa pôde ressaltar a baixa quantidade de programas e projetos elencados no levantamento, pois ainda não atendem à demanda das principais causas de mortalidade nem morbidade, ficando por saber se existe a falta de programas ou se é baixa a produção científica que relate ou mesmo avalie esses programas, dificultando a socialização do conhecimento”, explica.

Experiência
Almira conta que a experiência do pós-doutorado fortaleceu sua identidade como educadora e pesquisadora e contribuiu para a tomada de decisões mais assertivas e potencialmente indutoras de sucesso. “Ter tido a possibilidade de me dedicar integralmente aos estudos e à pesquisa por um ano foi uma das experiências mais gratificantes, pois o foco fica mais direcionado e as ações mais precisas e enriquecedoras. Durante esse período pude conhecer diversas IES na Europa e perceber as diferentes formas de fazer ensino superior em suas várias atuações, inclusive a pesquisa. Envio meus agradecimentos, em especial, ao prof. Antonio Duarte Teodoro, meu orientador, e à profa. Sandra Queiroz, co-orientadora. Foi uma experiência singular”, resume.

Trabalho apresentado em Lisboa, Portugal, durante o pós-doutorado (Foto: Arquivo Pessoal - Divulgação CCS/CAPES)Para o futuro, a pesquisadora pretende intensificar as pesquisas na área do ensino na saúde e dedicar-se ao mestrado em Ensino na Saúde e Tecnologia oferecido pela Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (UNCISAL), IES à qual Almira é vinculada e cuja coordenação compete a ela. “Desejo produzir mais e melhor, além de juntar esforços para a estruturação de mais um mestrado na área de ensino.”

UNCISAL
Trabalho apresentado em Barcelona, Espanha, durante o pós-doutorado (Foto: Arquivo Pessoal - Divulgação CCS/CAPES)Além da publicação do artigo em uma revista de alta relevância, o pós-doutorado de Almira rendeu outros frutos. A pesquisadora e docente da UNCISAL, e agora coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Ensino na Saúde e Tecnologia da instituição, diz que a experiência no pós-doutorado foi fundamental para que a universidade tivesse aprovada sua primeira pós-graduação stricto sensu.

“Desde 2005, quando ingressei na Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (UNCISAL), apliquei meus conhecimentos e esforços em prol do fortalecimento da educação em saúde, estruturando o curso de especialização na área e a oferta da disciplina tanto obrigatória como eletiva. Depois disso, a UNCISAL já havia apresentado quatro APCNs e não havia aprovado nenhum. Quando da solicitação da bolsa à CAPES, minha proposta contemplava, então, a estruturação de um mestrado na instituição. Minha experiência no pós-doutorado, por meio da participação em bancas de defesa de doutorado, de mesas de discussão, grupos de pesquisa, congressos, seminários, conferências, comissão organizadora de encontro científico e visitas técnicas a centros de pesquisa, além do dia-a-dia na universidade e a exposição a uma cultura diferente, foram determinantes para uma visão mais ampla e assertiva e serviram como combustível para impulsionar a minha determinação em congregar todos os elementos necessários para estruturar e apresentar à CAPES um APCN de qualidade, alcançando assim a meta, com êxito na aprovação do curso”, conta.

Participação como banca na defesa de doutoramento na Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias em Lisboa, Portugal (Foto: Arquivo Pessoal - Divulgação CCS/CAPES)A aprovação do mestrado profissional em Ensino na Saúde e Tecnologia da UNCISAL foi publicada em 5 de janeiro deste ano, após a 169ª Reunião do Conselho Técnico-Científico da Educação Superior (CTC-ES).

Revista Lusófona de Educação
A Revista Lusófona de Educação é uma publicação científica trianual do Centro de Estudos Interdisciplinares em Educação e Desenvolvimento (CeiED) do Instituto de Educação da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Tem como objetivos prioritários a publicação de trabalhos científicos na área das Ciências de Educação e o intercâmbio com outras publicações científicas da mesma área ou áreas afins. O acesso à publicação está disponível para a comunidade acadêmica brasileira por meio do Portal de Periódicos da CAPES.

Com informações da CCS/CAPES


Alice Oliveira dos Santos


Notícias relacionadas

  • 14.07.17
  • 03:07
Artigo propõe avanço teórico da Física
Intitulado "Wigner Entropy Production Rate", o estudo foi publicado pela revista científica Physical Review Letters, uma das publicações mais relevantes da área
  • 07.07.17
  • 03:07
DNA de animal sul americano catalogado por Darwin há 180 anos é desvendado
O famoso naturalista britânico, que propôs a Teoria da Evolução, não conseguiu descobrir a qual família pertencia o Machauchenia patachonica – mamífero com corpo de camelo e uma tromba no alto da cabeça. O estudo está disponível no periódico Nature Communications
  • 05.07.17
  • 03:07
Estudo revela custo para preservação de anfíbios da Mata Atlântica
Publicado pelo periódico Science Advances, o estudo fornece estimações econômicas para representar componentes de biodiversidade
  • 04.07.17
  • 03:07
Cientistas analisam mecanismos genéticos da cárie em crianças
“No futuro, será possível detectar bem cedo quais crianças têm maior predisposição ao desenvolvimento de cárie e iniciar o tratamento de prevenção”, disse a pesquisadora Erika Küchler. O estudo está disponível no periódico Caries Research
  • 29.06.17
  • 03:06
Pesquisa identifica áreas de conservação marinha em águas profundas
Publicado pela revista científica Biological Conservation – disponível no acervo do Portal de Periódicos, o artigo mapeou 42 Áreas Marinhas Ecológica ou Biologicamente Significantes localizadas na Bacia de Campos
Fim do contedo da pgina